A disfunção sexual masculina é um tabu na sociedade e pode ser caracterizada por falta de libido, falta de ereção ou anormalidades na ejaculação.

Em 1994, em um estudo com homens de 18 a 59 anos, mostrou que 31% deles tinha algum tipo de disfunção sexual, nos mais variados graus. Portanto, a disfunção sexual pode ocorrer em qualquer fase da vida do homem, mais prevalentemente após os 40 anos e aumenta conforme o avançar da idade.

Existem diversos motivos pelos quais um homem pode enfrentar este problema, desde questões emocionais negativas, uso de medicamentos para pressão alta, diabetes, desordens hormonais e, claro, o uso de drogas.

O uso de drogas é apontado como fator desencadeador de problemas sexuais masculinos seja na hora de ter o desejo pela parceira, seja na hora de consumar o ato sexual com a ereção ou também na ejaculação anormal – seja precoce, tardia ou a falta dela.

Principais drogas

Algumas drogas que são mais estimulantes, como cocaína e heroína, dão inicialmente uma sensação de ereção, mas que não consegue ser muito prolongada e o homem acaba “brochando” depois de um tempo. Outras drogas, como o álcool em excesso e a nicotina, podem ser mais depressoras e o homem não consegue sequer ter a libido necessária para o ato sexual.

A Casa Liberdade, clínica de reabilitação para usuários de drogas em Curitiba, cuida de diversos casos em que a saúde sexual foi afetada pelo uso abusivo de drogas.

Além da questão física, quem só encontra prazer na droga, acaba por perder o interesse no sexo, em ter uma vida afetiva saudável, o que pode levar a fissuras irreversíveis em relacionamentos e na vida familiar como um todo.

A disfunção sexual pelas drogas tem cura, começando por parar o ciclo vicioso de consumo. A desintoxicação da droga deve ser acompanhada por uma equipe especializada, que saiba como lidar com a saúde física e emocional do paciente, bem como respeitar as suas necessidades, inclusive as de ordem afetiva e sexual.

Caso você esteja passando por disfunções sexuais, já se questionou sobre os seus hábitos de consumo de drogas? Será que está exagerando e a hora da relação sexual é o reflexo disso?

Tratamento de Dependências Químicas em Curitiba

Entre em contato com a casa liberdade. Atendimento 24 horas. Ligue no telefone (41) 3556-1511.

jovens e as drogas